Apartamento de Autonomização

Proteção na Autonomia

O Apartamento de Autonomização “Proteção na Autonomia”, é uma resposta social da AIPAR – Associação de Proteção à Rapariga e à Família que presta serviços e desenvolve atividades, tendo como objetivos:
a) Mediar processos de autonomia de vida e de participação ativa de jovens, minimizando riscos de exclusão social;
b) Desenvolver processos individuais de acompanhamento e de apoio a nível psicossocial, material, de informação e de inserção sócio laboral;
c) Dinamizar programas de formação específicos destinados ao desenvolvimento de competências pessoais, sociais, escolares e profissionais dos jovens;
d) Partilhar competências com outros serviços e promover domínios comuns de conhecimentos e de práticas, com o objetivo de estabelecer uma intervenção articulada e integrada facilitadora da transição de jovens para a vida adulta.

Destinatários:
1 – O apartamento de Autonomização tem por finalidade o alojamento temporário de raparigas com idades a partir dos 15 anos, com medida de promoção e proteção definida no âmbito da Lei 147/99, de 1 de Setembro, nomeadamente com medidas definidas a partir da aplicação do art.º 45.º da referida Lei.
Prevê-se proporcionar às jovens, condições que as habilitem e lhes permitam viver por si só, adquirindo progressivamente competências para a autonomia de vida

Capacidade:
1 – A capacidade do equipamento/ serviço é de 5 jovens, a partir dos 15 anos:

Admissão:

A admissão de jovens no Apartamento de Autonomização “Proteção na Autonomia” cabe à respetiva Direção da Associação e processa-se de acordo com as orientações da Equipa de Gestão de Vagas do Núcleo de Infância e Juventude do Centro Distrital de Segurança Social de Faro, CPCJ´s e Tribunais de Família e Menores.
2. A admissão de jovens em risco ou perigo deve obedecer às seguintes condições:
a) Jovens do sexo feminino com idade a partir dos 15 anos, com medida de promoção e proteção de “apoio para a autonomia de vida”, no âmbito da Lei nº 147/99, de 1 de setembro;
b) Jovens em situações de risco e/ou privação de um meio familiar adequado e da promoção efetiva dos direitos consagrados na Convenção sobre os Direitos da Criança;
c) Rejeição ou conflito com o meio familiar ou social de que decorra risco de marginalização.

Horário:
O horário de funcionamento é de 24H, todos os dias, em regime aberto, o que possibilita a livre entrada e saída das jovens ( de acordo com as normas de funcionamento)

Localização:
O apartamento está situado na Estrada de São Luís, 154, r/c, 8000 Faro

Contactos:
Tel: 289 865 891;
Tlm: 963566674;
email: proteccaoarapariga@gmail.com

Ficheiros em anexo